Brasil  

Costa não poderá mentir em depoimento

.

: .
Ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa será levado do Rio de Janeiro a Curitiba pela Polícia Federal, em voo comercial, para depor à Justiça; ele deverá incriminar empreiteiras de Marcelo Odebrecht e a OAS por pagamento de propina, mas não poderá falar sobre atuação de políticos no esquema comandado pelo doleiro Alberto Youssef; segundo seu novo advogado, João Mestieri, Costa não poderá ficar em silêncio e terá de dizer a verdade, sob o risco de perder os benefícios do acordo de delação premiada

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa deve incriminar nesta quarta-feira, em depoimento à Justiça, empreiteiras pelo pagamento de propina em esquema comandado pelo doleiro Alberto Youssef. Ele não poderá falar sobre atuação de políticos.

Deixe um comentário