Corrupção petista domina quinto debate

Fonte: opiniaoenoticia.com.br

O debate foi marcado pela troca de acusações entre José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT).

O tom subiu e os dois candidatos à presidência da República mais bem posicionados nas pesquisas protagonizaram também o quinto debate desta campanha na noite deste domingo, 12. Os principais temas foram os supostos casos de corrupção no governo do PT.

Os adversários de Dilma Rousseff, sobretudo José Serra, recordaram os casos dos aloprados, mensalão, quebra de sigilo na Receita e a recente acusação de suposto esquema de tráfico de influência envolvendo a sucessora de Dilma no ministério da Casa Civil, Erenice Guerra.

Receita e José Dirceu

Promovido pela Rede TV e pelo jornal Folha de S.Paulo, o debate foi marcado pela troca de acusações entre Serra e Dilma. Serra insistiu na associação entre a campanha petista e o caso da quebra de sigilo fiscal de seus familiares. Dilma reagiu dizendo que seu adversário passaria a campanha como caluniador.

O candidato do PSDB, José Serra, ressaltou ainda o apoio do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, um dos envolvidos no caso do mensalão, à candidatura de Dilma.

Deixe um comentário