Brasil  

Copa: construção de aeroporto é investigada pela PF

Fonte: opiniaoenoticia.com.br

A Polícia Federal investiga a construção do novo aeroporto internacional da Grande Natal, no Rio Grande do Norte. A polícia abriu três inquéritos para investigar suspeitas de desvio de verbas em um dos principais projetos de transporte para a Copa do Mundo de 2014. O aeroporto será operado pela iniciativa privada, e foi vendido pelo governo como modelo para o Mundial.

Os inquéritos foram abertos na terça-feira, 19. As obras de infraestrutura básica no terminal erguido São Gonçalo do Amarante foram executadas pelo Exército. O Ministério Público Federal suspeita que o Exército tenha pago uma empresa por esses serviços que os próprios militares fizeram.

A procuradora Cibele da Fonseca, da Procuradoria da República no Rio Grande do Norte, pediu para a PF verificar supostas irregularidades com relação a quatro licitações do Exército entre 2008 e 2010.

A principal suspeita está ligada a uma concorrência de R$ 13,2 milhões, em 2008, para o fornecimento de asfalto usado nas pistas de pouso e nos pátios do aeroporto. Segundo a Procuradoria Militar, parte dos serviços de construção de caneletas foi feitas por soldados do 1º Batalhão de Engenharia de Construção, e não por funcionários da empresa.

O Exército já pagou R$ 12,6 milhões e disse que não se manifestaria durante a investigação. Já a Potiguar negou qualquer irregularidade. José Luís Arantes Horto, dono da empresa, foi investigado na Operação Via Apia da PF, que apurou desvios em obras da rodovia BR-101. O caso levou à prisão de Gledson Maia, ex-dirigente do Dnit local, sob suspeita de corrupção.

 

Deixe um comentário

Um comentário para “Copa: construção de aeroporto é investigada pela PF”

  1. ? Marcio disse:

    Mais do que nunca, nosso Tribunais de Contas, nossa Polícia Federal e nossa Controladoria Geral da União, terão que desempenhar uma rígida fiscalização. Do contrário a corrupção sairá vencedora.