Collor pode ser denunciado pela PGR

.

José Cruz/Agência Senado (17/12/2013): Senador Fernando Collor (PTB-AL) durante sabatina de indicados para a presidência e duas diretorias da Agência Nacional de Águas (ANA).
Durante a operação Lava Jato, foram encontrados no escritório do doleiro Alberto Youssef, em São Paulo, oito comprovantes de depósitos para o senador Fernando Collor de Mello (PTB-AL), que somam R$ 50 mil; nome do ex-presidente deve fazer parte dos pedidos de investigação a suspeitos com foro privilegiado a serem enviados ao STF (Supremo Tribunal Federal) pela Procuradoria-Geral da República em fevereiro

O senador Fernando Collor de Mello (PTB-AL) pode ser indiciado pelo Ministério Público no início de fevereiro, por suspeita de envolvimento na Operação Lava Jato.

Deixe um comentário