Mundo  

China continua acelerada e puxa o resto da Ásia

Fonte: monitormercantil.com.br

Pequim – A atividade manufatureira da China continuou a crescer de forma acelerada em janeiro, conforme mostraram dois índices de gerentes de compras. O Índice HSBC PMI China, um termômetro da atividade industrial em todo o país, subiu para o recorde de 57,4 em janeiro, contra 56,1 em dezembro.

Num sinal de que a economia regional também se recupera da recessão global que começou em 2008, Coréia do Sul e Taiwan também informaram forte crescimento da atividade industrial mês passado.

Para a China, a economia de mais rápido crescimento do mundo, janeiro foi o quarto mês seguido de aumento do HSBC PMI, com as empresas registrando crescimento dos pedidos domésticos e do exterior.

Foi também o 10º mês consecutivo em que a leitura do PMI ficou acima de 50, indicando crescimento das atividade industrial em relação ao mês anterior. Leitura abaixo de 50 indica que a atividade está em queda.

Um índice separado, o CFLP PMI, da Federação de Logística e Compra da China e do Escritório Nacional de Estatísticas, ficou em 55,8 no mês passado, indicando o 11º mês consecutivo de expansão da atividade industrial.

Mesmo abaixo dos 56,6 de dezembro, foi o segundo mais alto desde que a atividade começou a desacelerar, em maio de 2008

Deixe um comentário