Mundo  

Chile em estado de emergência após forte terremoto

.

Um forte terremoto de 8,2 graus na escala Richter atingiu o litoral norte do Chile na noite desta terça-feira, 1º, causando pelo menos cinco mortes e deixando várias pessoas feridas.

tA presidente do Chile, Michelle Bachelet, declarou estado de emergência em três regiões do norte do país após o tremor. Segundo o governo, cerca de 900 mil pessoas tiveram que deixar suas casas em decorrência de um alerta de risco de maremoto em toda a costa do país. O alerta, no entanto, foi cancelado após algumas horas.

Trata-se do terremoto mais forte nos últimos dois anos no Chile. Outros sete tremores com 5,4 de magnitude foram registrados na região norte do país após o terremoto principal.

O terremoto também causou deslizamentos de terra e incêndios. Cerca de 300 mulheres aproveitaram para fugir de uma prisão na cidade de Iquique. A informação foi divulgada pelo ministro do Interior do Chile, Rodrigo Penailillo.

O Chile faz parte do chamado Cinturão de Fogo do Pacífico, onde ocorrem 80% dos terremotos do mundo, sendo, portanto, um país com atividades sísmicas frequentes.

Em 2010, um terremoto de 8,8 graus na escala Richter seguido por um maremoto deixou 524 mortos e 800 mil feridos no país. Várias cidades costeiras do Chile ficaram destruídas. Na época, o prejuízo foi estimado em US$ 30 milhões.

Fonte: Opinião & Noticia

Deixe um comentário

Um comentário para “Chile em estado de emergência após forte terremoto”

  1. ⇒ Luiz Cabral disse:

    Um país que nos últimos anos tem sofrido com terremotos, Tsunami e erupção vulcânica, trazendo muitos prejuízos a economia que tem como uma de suas bases o turismo.
    Infelizmente.