Cardozo: governo não influiu na Lava Jato

images_cms-image-000421939“Ao Executivo cabe apenas dizer… que não fez, não faria e não poderia fazer qualquer interferência em relação a essas delações ou em relação às decisões acerca delas que foram tomadas” pelo procurador-geral da República e pelo ministro do STF, disse o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, ressalvando que as pessoas que serão investigadas não devem ser prejulgadas.

Deixe um comentário