Câmara deve analisar na quarta-feira projeto Ficha Limpa

Priscilla Mazenotti
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O plenário da Câmara deve votar na quarta-feira (7) o projeto Ficha Limpa, que proíbe a candidatura às eleições de pessoas que respondem a processos na Justiça.

De iniciativa popular, o projeto estabelece o prazo de oito anos para a inelegibilidade de candidatos com condenações judiciais quando a representação já tiver sido aceita pela Justiça Eleitoral. A proposta contou com mais de 1,3 milhão de assinaturas de eleitores de todo o país.

O projeto que garante internet banda larga para alunos de escolas públicas também está na pauta de votações do plenário da Câmara desta quarta-feira. Pela proposta, até 2013, todos os alunos de ensino básico das escolas públicas terão acesso à internet de banda larga. Para isso, serão usados recursos do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust).

Os projetos serão votados em sessão extraordinária. A pauta ordinária está trancada por nove medidas provisórias. Entre elas, a que aumentou o salário mínimo para R$ 510 em janeiro deste ano.

Edição: Talita Cavalcante

Deixe um comentário