Câmara aprova royalties sem dinheiro para educação

Por 286 votos sim, com 124 não, os parlamentares dos estados não produtores conseguiram fazer valer sua força na Câmarae   aprovaram o texto que veio do Senado, que beneficia as unidades da federação que não produzem o combustível, em detrimento dos estados produtores, como Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Deixe um comentário