Brasil padrão FIFA!

Por Claudio Schamis – opiniaoenoticia.com.br

Sei que ainda estamos longe do natal, mas não custa pedir ao velhinho Noel que me traga um novo Brasil, um tipo padrão FIFA. Ficaria melhor se fosse padrão FIFA, mas tipo FIFA já vai nos atender. Melhor que o padrão tipo NADA que nós temos.

Pensa bem, a FIFA quando escolheu o Brasil para sediar a Copa do Mundo fez muitas exigências, caras exigências e o nosso governo com um cordeirinho teve que atender a todas elas sem nem contestar em nenhum momento o custo que elas teriam. E a coisa foi pra frente Brasil, salve a Seleção. Mas e o país?

Em nenhum momento vi o governo, o Congresso, o Senado pararem para discutir o impacto disso em nosso país. Em nenhum momento “nossos queridos” governantes foram ao plenário discutir se seria viável, se seria o momento de gastar bilhões de reais na reforma de estádios de futebol se as nossas principais necessidades — Saúde e Educação — estavam nos escombros. E vale também lembrar que Saúde e Educação na hora da campanha deles é a coisa mais importante da face da terra, a base de tudo, mas pelo visto são sempre promessas vis.

Nunca vi a preocupação dos nossos governantes em melhorar aeroportos, estradas, nossos transportes por  vontade própria. Nunca que eles acordariam um dia com uma vontade tremenda de transformar essas coisas. Mas como para a Copa acontecer seria preciso melhorar certas coisas prioritárias para a FIFA, então eles decidiram olhar para essas coisas que antes não conseguiam (leia-se, não queriam) enxergar. É claro que aqui nem estou falando de nossas escolas ou nossos hospitais. Isso então é voto vencido, colocado numa gaveta com uma chave que foi jogada no Oceano Índico. Mas que não fazem parte das exigências da FIFA para que uma Copa aconteça. Tendo estádios modernos, asfalto nas ruas, um sistema metroviário em boas condições, um sistema bom de ônibus (BRT´s da vida, a TransOeste) e bons aeroportos, tá tudo maravilha. Contrato assinado. A Copa pode acontecer.

Tirando a questão dos estádios, todo o “resto” são coisas das quais deveríamos ter direito de ter, usufruir e tudo com padrão FIFA. Afinal nós moramos aqui e por aqui vamos ficar. Eu se puder me mando. Mas a grande maioria vai ficar, vai ficando. Mas nada disso é prioridade para nossos governantes. Escolas, hospitais transformados em coisa de primeiro mundo, ou melhor, coisa padrão FIFA quem sabe um dia ou em outra encarnação. Isso eles como sempre deixam para outro momento. Ou para usarem como promessa nas próximas eleições.

Logo, entendo que temos que agradecer a FIFA pela implementação dessas melhorias. A única falha da FIFA é que ela não olhou para as escolas e nem para os hospitais. Afinal se algum deles precisar de atendimento médico os hospitais particulares estarão de portas abertas e com um padrão tipo FIFA.

Por que então não aproveitar que estão falando em plebiscito e não resolver a coisa de uma maneira melhor. Chama a FIFA para governar o Brasil. Esquece Dilma, Lula, Aécio. Apaga tudo isso. Tenho certeza que em um curto espaço de tempo vamos ter sim um país padrão FIFA. Onde você se ficar doente bastará se dirigir a uma das muitas unidades de saúde que você será atendido por um médico que terá um salário padrão FIFA sem ter que chegar uma semana antes para apanhar uma senha para que sua consulta seja na próxima Copa. Onde você poderá ir trabalhar sem preocupação que seu filho estará numa creche ou num colégio de tempo integral, com professores satisfeitos e com salário padrão FIFA.

Até nossas manifestações foram padrão FIFA, tirando-se o fato dos atos de vandalismo, que para mim tem dedo de alguém aí. Não sei quem. Tem caroço nesse angu. Ainda mais que esses atos não foram de forma isolada, um aqui, outro acolá. Mas eles aconteceram em todo o país e por onde nós passávamos de forma pacífica e justamente quando nos mobilizamos em prol de um BASTA. Se essas pessoas acharam que com isso nosso movimento iria enfraquecer e perder força eles estão é enganados. Pelo menos de minha parte vou continuar gritando por um país mais justo, melhor. E acredito que isso venha a nos dar mais força. Pois vimos que pressionando o povo lá fica com medo. O aumento do transporte foi revogado e derrubamos uma PEC. Mas no meu entender isso é só o começo. Temos muita coisa ainda para derrubar e limpar e deixar tudo padrão FIFA.

Uma única coisa me preocupa e aproveito o momento para compartilhar e até como uma forma de desabafo. Acho muito legal e importante essas manifestações clamando, reivindicando, cobrando cadeia já aos mensaleiros, fora Renan Calheiros entre outros gritos, mas acho que devemos pensar que na próxima eleição faremos uma votação padrão FIFA, pois de nada adianta sair às ruas pedindo para tirar quem você ajudou a colocar lá dentro. Se Renan Calheiros não tivesse sido votado senador ele não seria hoje o presidente do Senado. Se o Sarney não continuasse a ser votado ele nunca teria ficado anos como presidente do Senado e como senador. E por aí vai. Essa é uma questão importante e para ser lembrada diante das urnas.

É claro que um país padrão FIFA não será um país das maravilhas onde tudo é maravilhoso, onde não vai existir miséria, roubos, corrupção, até porque estamos falando de realidade e não de ficção, mas com certeza todas essas coisas serão padrão FIFA, desde a miséria até a corrupção. E se conseguirmos que tudo fique padrão FIFA já será uma grande vitória nossa.

Salve as baleias. Não jogue lixo no chão. Não fume em ambiente fechado.

Deixe um comentário