Brasil  

Bradesco lança seguro contra bala perdida. Chegamos ao fim?

Por Luis Gustavo Chapchap – inblogs.com.br

Comento: É o fim dos tempos. A demonstração clara de que nos acostumamos a esta situação alarmante. Já estamos habituados a pagar seguro para carro porque o governo, mesmo com uma das maiores cargas tributárias do mundo, não consegue garantir a segurança, seguro saúde porque o serviço prestado pelo SUS (Serviço Único de Saúde) é sofrível e moramos em fortalezas enquanto bandidos estão soltos. A seguradora enxergou uma oportunidade de mercado e a sociedade deve encarar como um alerta. A partir do momento que bala perdida vira acontecimento cotidiano é chegada a hora de repensar o modelo.

Veja abaixo a nota de Lauro Jardim na coluna Panorama da revista Veja

A Bradesco Seguros começou a vender seguros populares de acidentes pessoais em duas das favelas mais simbólicas do Rio de Janeiro e de São Paulo, Rocinha e Heliópolis. Por 3,50 reais mensais, o seguro abrange inclusive balas perdidas. Em caso de morte, a família do segurado recebe 20 000 reais. Quase 500 contratos já foram fechados.

Deixe um comentário