Barusco detona PT: US$ 200 milhões em propinas

images_cms-image-000416985O ex-gerente da área de Serviços da Petrobras Pedro Barusco afirmou em depoimento prestado em acordo de delação premiada que o PT deve ter recebido entre US$ 150 e US$ 200 milhões em propina. Segundo ele, o tesoureiro do partido, João Vaccari Neto, teria ficado com US$ 4,5 milhões “a título de propina do estaleiro Kepell Fels”.

Deixe um comentário