Banco Mundial estima crescimento de 1,5% para o Brasil em 2014

.
O Brasil crescerá 1,5% este ano, segundo o Banco Mundial. O resultado foi divulgado no relatório “Perspectivas Econômicas Globais” de junho da instituição. O índice, bem abaixo do estimado em janeiro, cuja projeção era de 2,4%, deixa o Brasil somente à frente da Argentina e da Rússia no ranking dos países emergentes.

A Argentina ficará com a economia estagnada e a Rússia terá crescimento de 0,5%. O Irã terá a mesma expansão, de 1,5%. Já a economia mundial deve crescer 2,8% este ano, reflexo da recuperação dos países ricos.

Em 2015, a expectativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro é de 2,7 %, com base na projeção inicial de janeiro; e em 2016 a estimativa é de 3,1%.

Para o Banco Mundial, as causas para o desempenho reduzido é a baixa confiança dos empresários, que reduziram seus investimentos no país, desacelerando a produção e favorecendo a inflação; além de não terem sido feitas reformas importantes para promover o crescimento.

“Muitos países em desenvolvimento privilegiaram o estímulo à demanda em vez das reformas estruturais no pós-crise. As reformas ficaram emperradas, mesmo diante de gargalos estruturais em energia e infraestrutura”, indica análise que cita o Brasil.

Fonte: Opinião&Notícia

Deixe um comentário