Saúde  

Baleias podem ser a chave para a cura do câncer e a longevidade humana

.
timthumb.phpPesquisadores Universidade de Liverpool começaram a investigar o genoma de baleias-da-groenlândia para tentar aumentar a longevidade dos homens e desenvolver resistência a certas doenças, como o câncer.

Segundo os envolvidos no estudo, essa espécie é a de mamíferos mais longevos do planeta, podendo chegar até a 200 anos de vida. Os resultados foram publicados na revista científica Cell, uma das mais conceituadas na área.

“Isso vai permitir aos pesquisadores estudar processos moleculares básicos e identificar mecanismos de manutenção que ajudam a preservar a vida e reparar o dano molecular”, disse ao jornal Washington Post, o pesquisador português João Pedro de Magalhães, líder do estudo.

O objetivo do estudo é encontrar genomas de animais que sejam resistentes a certas doenças, ou até mesmo a idade, para melhorar a saúde de seres humanos.

A característica das baleias que mais chamou a atenção da equipe de Magalhães foi a resistência ao câncer. Por ter mais células que os humanos, estatisticamente faria sentido que esses animais tivessem mais chance de desenvolver a doença, mas exames comprovam que não é o caso.

Deixe um comentário