Aumento do custo de vida em São Paulo bate recorde mundial em 2012

De acordo com o índice do custo de vida da revista Economist, publicado nesta quinta-feira, 7, a alta do custo de vida em São Paulo representa um recorde global em 2012, empatando apenas com Caracas, na Venezuela.

O bolívar, moeda venezuelana, está atrelado ao dólar, o que explica porque a cidade é uma das dez mais caras do mundo. No entanto, usando uma taxa de câmbio informal, que leva em conta a alta inflação do país, Caracas ficaria empatada com Mumbai e Karachi (veja o gráfico abaixo).

Tóquio recuperou o seu lugar como a cidade mais cara do mundo. A cidade japonesa ocupou o primeiro lugar no ranking 14 vezes nos últimos 20 anos, período durante o qual apenas Zurique (que ficou em primeiro lugar no ano passado graças a sua moeda forte), Paris e Oslo também ocuparam o topo do ranking.

O índice é calculado pela média dos preços de 160 produtos e serviços, com Nova York representando 100 para servir de base para comparações. Nova York em si tornou-se mais cara, mas ocupa o 27 º lugar entre 131 cidades, tendo subido 19 postos  no último ano. Genebra e Zurique apresentaram a maior queda no ano passado, atribuída aos esforços da Suíça para enfraquecer o seu franco.

Na última década, o custo de vida diminuiu mais em Detroit e na Cidade do Panamá.

 

 

Deixe um comentário

Um comentário para “Aumento do custo de vida em São Paulo bate recorde mundial em 2012”

  1. O Brasil vai bem obrigado
    É realidade, ou lorota?
    Sim; tudo vai às mil maravilhas para os políticos brasileiros; pois eles trabalham três dias por semana, alguns nem isso, mesmo assim, têm salários principescos, podem exercer vários cargos ao mesmo tempo, podem ter varias aposentadorias, com décimo terceiro, décimo quarto e décimo quinto, duas férias por ano; ajuda moradia, verbas para vestimentas, verbas para combustível, cartão corporativo etc… E muitos não satisfeitos, ainda roubam, desviam, superfaturam…
    Em época de campanha eleitoral, vemos bando de bandidos corruptos mostrando erros, corrupções, desvios e ladroagens dos outros da mesma laia, imaginando que desta maneira estão se justificando e, portanto, justiçando seus crimes!

    Mas quando acabam as eleições, se sentam; e começam arquitetar os acordinhos e acordões com distorções nas leis, para distribuição de cargos, alvarás de soltura e vantagens pessoais!

    Enquanto isso, a população continua assistindo a espetacular inversão de valores neste circo chamado Brasil; ou melhor, “paraíso de bananas”, onde os políticos são os verdadeiros donos dos espetáculos!
    E a população passa a conviver e fazer parte da tragédia do desemprego e da mendicância! Mesmo tendo seus direitos desrespeitados; os brasileiros agem como se fossem um rebanho de cordeiros tosquiados!
    Poucos notam que os desempregados estão sendo manipulados e mantidos presos em currais eleitorais, com as verbas que estão sendo surrupiadas dos vencimentos dos aposentados!

    E poucos notam que: O trabalhador continua suando e sangrando, para bancar banquetes e os espetáculos fantasiosos de pelegos, e orgulhosos Mussolini anos!
    No Brasil não temos mais partido de direita, esquerda, ou oposição!
    Temos é uma política descarada, onde se negocia sentenças por cargos, e fazem alianças para se manterem no poder a qualquer custo!
    Falta moradia, faltam verbas para educação, faltam verbas para pagar um salário digno aos professores, aos policiais, aos bombeiros, aos médicos e a todos os funcionários da aérea de saúde!

    O que temos em excesso são pais de famílias desempregados, e aposentados sem dinheiro para comprar remédios, devido a irresponsabilidade, desvios, roubos e superfaturamentos dentro do desgoverno!

    E os corruptos, continuam agindo como se fossem donos dos cofres públicos, passeando a custa do povo; roncando papo pelo mundo afora, doando nossos impostos, e dizendo que esta tudo as mil maravilhas!

    Deveriam mostra com fatos, e não com promessas fantasiosas e conversa fiada!

    Onde estão os bilhões de empregos prometidos? Onde estão as verbas para dar aumento digno aos policiais, aos bombeiros, aos aposentados? Onde estão as verbas para melhorar o sistema de saúde?
    Doou aos amiguinhos é?
    Em um país, onde se superfatura a compra de merenda escolar, a compra de remédios, a compra de ambulância; matam pacientes para dar vaga a outros; onde se superfatura desde a construção do presídio, até a estadia do preso, as injustiças, a falta de moralidade; falta de caráter e vergonha na cara, acaba saltando aos olhos de qualquer leigo!
    Por isso, querem privatizar os presídios: A intenção dos integrantes do verdadeiro crime organizado é clara; a pretensão é simular, estarem solucionando os problemas que eles mesmos criaram com seus desvios, corrupções; obtendo mais lucro com superfaturamento na estadia dos presos!
    Segundo a lei todo homem é inocente até que se prove contrário!
    Mas no Brasil pobre é culpado até que prove a inocência!
    Quem não percebe que as cadeias estão superlotadas, mas de pobre?
    Estes se tornaram vitimas do sistema, e agora vão dar lucros fabulosos, aos integrantes do verdadeiro crime organizado, que se institucionalizou dentro do desgoverno!

    Não vote em político corrupto, não vote em candidato do partido que têm corruptos, não vote em candidato de partido político que é aliado a outro partido corrupto, não vote em políticos antigos, que em busca vantagens pessoais, vem atropelando os direitos do cidadão!

    Divulgue: O voto não pertence ao candidato, mas ao partido; e serve para eleger até o corrupto do partido da coligação!
    Esta é uma formula, ou seja, maracutaia usada para ludibriar o eleitor; que por falta de informação e orientação, acaba elegendo raposas velhas!

    Estes fatos irrefutáveis, “torna boa porcentagem dos políticos brasileiros” farinha do mesmo saco!

    Estou generalizando?

    Se os que prometem lutar por justiça não fossem coniventes, jamais acobertariam os desvios e as corrupções.

    Quem com os porcos convivem, farelos comem!
    Esta é a realidade!
    Ordens aos humildes, e progresso aos canalhas, hipócritas e demagogos!
    Para denunciar as discrepâncias neste país, seria preciso escrever um livro, ou melhor, uma biblioteca!

    Vamos pressionar e divulgar, pois se não renovarmos, nossos descendentes vão amargar duras penas!