Brasil  

Atraso nas obras da Copa são parte de um problema muito maior, diz ‘NYT’

.

Às vésperas de sediar a Copa do Mundo, o Brasil foi destaque de uma reportagem do jornal New York Times sobre projetos de infraestrutura que nunca foram concluídos.

Segundo a reportagem, o atraso nas obras dos estádios que serão sede da Copa é apenas parte de um problema muito maior de obras de infraestrutura abandonadas e estagnadas pelo país. O jornal também aponta para o custo de produção e diz que o orçamento do projeto sempre aumenta ao longo das obras.

O Museu do ET, em Varginha, também é citado. “O museu, que recebeu recursos públicos para as obras, é hoje um esqueleto de aço que lembra uma nave espacial perdida em meio à vegetação”, diz a reportagem.

Segundo o jornal, o país atravessa um período de “ressaca pós-boom econômico” e a dificuldade de tocar projetos de infraestrutura revela a incompetência do governo, criticado pela população por investir em megaconstruções enquanto os serviços básicos do país definham.

“Os fiascos estão se multiplicando, revelando uma desordem que é infelizmente sistêmica. Estamos despertando para a realidade que imensos recursos foram desperdiçados em projetos extravagantes enquanto nossas escolas públicas ainda são uma bagunça”, disse ao jornal o diretor da ONG Contas Abertas, Gil Castello Branco.

A reportagem diz que a incapacidade do governo revela a fragilidade do modelo de capitalismo de Estado adotado pelo Brasil. “O Brasil tem uma teia de empresas estatais, com grande influência, que investe em projetos mal supervisionados. Em seguida os projetos ficam estagnados pela burocracia local”, diz a reportagem.

Deixe um comentário