Após calote de US$ 1,6 bilhão no BNDES, American Airlines tenta devolver aviões

O presidente da American Airlines, Thomas Horton, reconheceu que está em negociação com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Embraer sobre uma dívida pendente de US$ 1,6 bilhão (R$ 2,7 bilhões) com o banco.

Deixe um comentário