Alta dos juros é o preço pelos erros da política econômica, diz Fecomércio RJ

.
Paulo Virgílio – Repórter da Agência Brasil
 
.

juros.jpegAo comentar a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom), de elevar mais uma vez em 0,5 ponto percentual a taxa de juros básicos da economia, a Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio RJ) ressalta que esse “é mais um dos muitos preços pagos por empresários e consumidores brasileiros pela condução equivocada da política econômica nos últimos anos”. De acordo com a entidade, em nota divulgada na noite de hoje (21), “ao contrário de previsibilidade, rigor fiscal e inspiração de confiança, a economia passou a conviver com improvisos, metas de última hora e ações localizadas”.

Para a Fecomércio RJ,  as medidas adotadas pelo governo têm seguido o caminho mais fácil, o de aumentar os já elevados custos na produção e no consumo, com mais impostos e juros. “Como resultado, instituições como o Fundo Monetário Internacional já preveem resultado próximo a zero para o crescimento da economia doméstica neste ano, assim como apurado no cenário recente”, diz a nota.

A entidade reconhece a necessidade de retomar a credibilidade na condução da economia brasileira, mas defende que o governo faça mais “do que apenas repassar à sociedade o custo de seus erros”. Para isso, considera que é preciso aprimorar a eficiência do gasto público, ampliar a capacidade de produção e a margem para o crescimento, sem maiores pressões inflacionárias.

Deixe um comentário