Aécio reconhece derrota e diz que prioridade é unir o país

.

aecioO candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, fez um breve pronunciamento no qual reconheceu a derrota para a presidente reeleita, Dilma Rousseff (PT), agradeceu a votação recebida e defendeu a união do país após o desfecho da sucessão presidencial mais disputada da história. “Considero a maior de todas as prioridades unir todo o Brasil em torno de um projeto honrado que dignifique todos os brasileiros”, afirmou, em Belo Horizonte.Aécio disse que telefonou para Dilma para cumprimentá-la pela vitória e desejar sucesso em seu novo governo. Ao lado da esposa, Letícia Weber, e de aliados, como o seu candidato a vice, Aloysio Nunes (PSDB), o senador eleito José Serra (PSDB-SP) e o prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda (PSB), o tucano agradeceu aos eleitores por terem lhe permitido “sonhar e acreditar num novo projeto”.

“Mais vivo do que nunca, mais sonhador do que nunca, deixo essa campanha ao final com o sentimento de que cumprimos nosso papel”, declarou. O senador fez um agradecimento especial aos eleitores de São Paulo, estado onde recebeu 15,2 milhões de votos e obteve 64,31% dos votos válidos neste segundo turno.

Ele também buscou em São Paulo, o apóstolo, a passagem bíblica com a qual encerrou seu pronunciamento. “Combati o bom combate, cumpri minha missão e guardei a fé. Muito obrigado a todos os brasileiros”, declarou.

Mais sobre as eleições

 

Por Edson Sardinha – Congresso em Foco

Deixe um comentário