Aécio defende que PSDB defina candidato à Presidência só em 2013

Fonte: votebrasil.com

Senador negou ‘estremecimento’ com Serra e defendeu prévias para escolha. ‘Vamos estar sim unidos’, disse o tucano em encontro da juventude do partido.

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) voltou a defender nesta sexta-feira (16) a realização de prévias para escolha do candidato do partido na eleição presidencial de 2014. Disse, porém, que a consulta aos tucanos deve ocorrer somente em 2013, após a eleição municipal do ano que vem.

Pré-candidato ao posto, o ex-governador mineiro participou nesta sexta da abertura de um congresso da juventude do partidoem Goiânia. Ao ser questionado sobre o assunto, repetiu que “Presidência é muito mais destino do que projeto”.

“No momento certo, acredito que no ano de 2013, através de prévias, que é o que eu defendo, o PSDB indicará quem é aquele que deverá empunhar essas nossas bandeiras”, afirmou, após pregar mais eficiência na gestão pública.

Em entrwevista com jornalistas, o senador foi indagado se havia algum “estremecimento” com José Serra, ex-governador de São Paulo e candidato derrotado nas eleições de 2010. Aécio negou, dizendo que a disputa é um “falso dilema”.

“O PSDB é de todos nós. O PSDB não será de o Aécio versus o PSDB de Serra, será o PSDB de Serra, Aécio, de Fernando Henrique, de Marconi Perillo, de Geraldo Alckmin, de tantos outros brasileiros que querem um projeto novo de Brasil. Vamos estar sim unidos”, afirmou.

Sobre o alcance das prévias, se restrita a delegados ou aberta a filiados, ele respondeu que a consulta, “quanto mais ampla, melhor”. “O partido tem que decidir isso. Tanto faz, acho que, quanto mais ampla, é melhor. Desde que haja um cadastro adequado, e que o partido está conduzindo, acho que quanto mais filiados puderem participar desse debate, melhor para o partido”.

Deixe um comentário