A visão turva de um molusco!

Por Claudio Schamis – opiniaoenoticia.com.br

Antes de qualquer coisa queria entender a razão de por que sempre que o assunto é o PT a Dilma tem que meter o Lula no meio. Ou também porque ele tem que se meter no meio. O momento dele já foi. É passado. É findo. É PT saudações.

Mas pelo visto Lula não cumpre o que promete. Nem quando governa, nem quando é ex-presidente. Enquanto presidente ele prometeu várias coisas e não cumpriu. Quando saiu prometeu que ia sumir no mundo, ia descansar, ia pescar e que não ia querer saber de política. Ah tá!

Já não bastou o ridículo artigo dele no “New York Times” na semana passada onde dizia em bom inglês – como pode isso? – que as manifestações ocorridas pelo Brasil foram em prol do brilhante governo Lula. Agora vem ele dizer que a Dilma está em lua de mel com o partido e que as críticas que Dilma recebeu foram sem muita importância, tipo, será que o partido não está gostando do corte de cabelo dela? Fora isso, Lula, que diz estar com a questão dos médicos atravessada em sua garganta, defendeu o programa Mais Médicos, lançado no começo do mês para atender aos mais pobres. Mas ele não parou por aí. Falou que se os médicos brasileiros não querem trabalhar no sertão, há quem queira. Será?

Será mesmo, ex-presidente Lula, que é tão simples assim? Você iria para o sertão para ganhar um salário de fome? Na verdade o salário é de outra coisa, mas tenho que me segurar para não falar. Será que você acha que um médico tem que ter um “tudo pelo social” correndo nas veias e topar tudo? Até onde eu sei Topa Tudo por dinheiro é só no SBT, no Programa do Silvio. Será que um médico tem que aceitar qualquer coisa? Você aceitaria, Lula?

E tem mais. Vai levar um médico para onde? Eles vão atender no meio da rua? Nosso país está totalmente alimentado de hospitais? Pelo que eu sei, não. Você sabia que existem hospitais que nunca foram inaugurados? Por exemplo, o Hospital Regional de Santo Antônio do Descoberto, a apenas 60 km de Brasília, é apenas esqueleto. E isso dura 14 anos e já custou R$ 21 milhões. Esse hospital atenderia mais de dez cidades do entorno do Distrito Federal. Mas para que se preocupar, né Lula? A pessoa pode ir para Brasília a 60 km ou para Goiana a 200 km, dependendo do caso.

Será mesmo que os médicos é que não querem atender? Ou são vocês que querem tentar nos enganar fingindo que estão realmente preocupados em atender a população? Abre o jogo. Qual é a jogada da importação desses médicos? Quanto e quem está levando algum? Só pode ser.

Ou você quer que eu acredite que o governo dormiu ontem e acordou hoje achando que importar é o que importa? E que com isso a crise na Saúde será sanada.

O problema na área da Saúde vem do seu tempo, e mesmo em oito anos nada foi feito. Pacientes continuam morrendo na fila esperando por atendimento, enquanto milhares de pessoas enfrentam filas para conseguir marcar uma consulta. Se tiverem sorte, antes da Copa 2014. Se tiverem sorte.

É simples assim, Lula? Em que país você vive? Você é realmente uma pessoa normal?

Se você soubesse como me revolto quando você abre a boca para falar suas abobrinhas. Mas você não tem noção. Aliás, você é total sem noção.

Se fosse para resolver mesmo o governo teria resolvido. Mas não interessa. Interessa trazer a Copa, as Olimpíadas, né? Somente para colocar o país bem na foto. Que foto? Acorda Lula.

Daqui a pouco vocês vão querer importar professores também. E tudo pelo mesmo motivo. Até porque a Saúde e a Educação estão no mesmo barco.

Aproveita que você voltou para o governo e dá essa dica para a Dilma. Lancem o Programa Mais Professores. Importem profissionais do ensino. E joguem a culpa nos professores que não querem ensinar no sertão.

Pensando bem, que profissionais são esses, né Lula? Que não valorizam o que o seu governo oferece! Nem nas Casas Bahia se teria melhores condições. Vai pagar quanto?

Acho que tenho que concordar com você. Se eles não querem trabalhar, que morram de fome, né? E deixa então o resto com o governo. Este sim não vai deixar seu povo na mão. Não importa o valor para importar esses profissionais, mas a meta é atender a toda a população carente – e que é capaz de votar neles novamente, mesmo depois de toda a lama exposta – e tão necessitada de Saúde e Educação.

Eu fico até aqui pensando e até torcendo para que essa importação dê resultados, pois na minha visão começa a nascer um novo filão, e quero ser um dos primeiros a entrar nele de cabeça. Poderia sem ser muito “abusante”, aproveitar que você, Lula, é um cara legal e influente – tem até coluna no NYT –, quem sabe você não consegue me colocar aí nessa jogada. Eu abro uma empresa OffShore de importação e exportação e começo a fornecer médicos exclusivamente para o governo, a um preço bem em conta. Posso incluir no pacote Gold Plus professores também. E por fora, caso seja do interesse, poderia exportar políticos. Topas?

Acho que pode ser o negócio do século. E já que você disse novamente que não vai de maneira nenhuma voltar para Brasília em 2014, seria até uma maneira de você ganhar um por fora e garantir a pinga do final de semana.

Salve as baleias. Não jogue lixo no chão. Não fume em ambiente fechado.

Deixe um comentário