A 42 dias da eleição, PMDB reivindica dividir poder ”meio a meio” com PT

Assento no Planalto, entre os “ministros da casa”, e no Conselho Político. Henrique Meirelles na equipe econômica. Ministérios de “porteira fechada”, os cargos de sempre na  Petrobrás e  Petro-Sal. Senado e Câmara sob seu comando.

Deixe um comentário