Dilma e a dança das cadeiras!

.
Por Claudio Schamis

.

Enganou-se quem achava que Dilma na troca de ministros visava um bem maior, no caso o Brasil. Vamos parar de acreditar na fada do dente. No Papai Noel. Aliás, Dilma está longe de ser uma fada de qualquer coisa. Ela está mais para a bruxa do (1)71. Quem assistia Chaves vai entender.  Já no Capeta, no Coisa-Ruim, no Molusco de Barba e Nove Dedos e em outras aberrações, sim elas existem e estão mais perto da gente do que você possa imaginar. Vocês já deviam estar calejados no assunto. Enfim…

Dilma na verdade com essas mudanças visou somente fortalecer sua base de apoio e ganhar fôlego para sobreviver e tentar chegar de qualquer jeito em 2018 lá em Brasília e no “comando” dessa bagaça. Sim “comando” entre aspas porque Dilma está meio que sem rumo, meio que à deriva, meio que A Náufraga. O único grande problema disso é que o “Wilson” dela se chama Lula.

dilmaseg-277x300Tanto é verdade que recorreu a ele, Lula – a quem mais seria? – para que ele escolhesse seus novos ministros e com isso montasse o novo governo contemplando o PMDB com todas as pastas pleiteadas e ampliando o poder do grupo ligado ao ex-presidente Lula – é óbvio ululante – e de modo que garanta no Congresso o mínimo de votos para barrar qualquer tentativa de pedido de impeachment. E então surgiu a “nova” cara do novo-velho governo que está mais magro, com menos oito ministérios, provavelmente com 30 secretarias cortadas, 3 mil cargos comissionados, e a redução em 10% do próprio salário e do salário do primeiro escalão inteiro. E com o PMDB por cima da carne podre. Ela era seca.

E com essa reforma Lula ganha mais do que a própria presidente Dilma, que abriu mão de ministros com quem tinha maior proximidade, como o Aloizio Mercadante e Miguel Rossetto e entregou ao PMDB pastas importantes, como o Ministério da Saúde. E Lula colocou no núcleo do poder palaciano Jaques Wagner e Ricardo Berzoini.

Confesso que quando vi que Dilma cortaria seu salário, me deu pena. E não dormi bem por quatro noites. Como alguém em sã consciência corta seu próprio salário em plena crise econômica? Enquanto vemos empresas fechando, o comércio acumulando perdas históricas no faturamento, no movimento, pessoas perdendo o seu emprego e trabalhadores pedindo aumento como, por exemplo, os bancários. Será que Dilma é louca? Ou está fazendo apenas tipo? Mas fiquei tão mexido com isso que penso ainda até em começar uma campanha no Facebook: “Ajude Dilma a pagar suas contas”.

Máquina de Calcular

dilmaprim-300x169Tudo indica que na hora de fazer contas, Dilma deve ter faltado essa aula de matemática. Pois ela com certeza não deve entender muito bem. Em nenhum sentido. Nem de como equilibrar as contas do governo e nem das contas referentes à sua campanha que é o que mais está preocupando o governo neste momento. Tanto que está fazendo de tudo para adiar o julgamento que vai dizer se ela fraudou ou não com suas “pedaladas fiscais” o que foi apresentado ao TCU.

Julgamento esse que pode ser o pontapé inicial de um pedido de impeachment e se isso acontecer, essa conta de Lula e Dilma de ter o mínimo para barrar o que seja, talvez não feche. No Congresso hoje, Dilma contaria com cerca de 220 votos, mas sabe como é na política, se o deputado X vir que a opinião popular sopra para outro lado, ele pode muito bem, por questões meramente políticas, mudar seu voto. E assim ser como outros tantos deputados. Até porque ele, deputado, vai querer garantir o leite das crianças e sua mordomia por mais alguns anos e por mais algumas eleições. Simples assim.

E o TSE…

 ministra Luciana Lóssio tenta ainda convencer o ministro Dias Toffoli a deixar o processo arquivado. Pô, ministro Dias, é da Dilma que estamos falando

ministra Luciana Lóssio tenta ainda convencer o ministro Dias Toffoli a deixar o processo arquivado. Pô, ministro Dias, é da Dilma que estamos falando

A coisa ficou ainda mais esquisita para Dilma e agora levando Temer de bônus. O Tribunal Superior Eleitoral autorizou pela primeira vez processo que pede a impugnação dos mandatos de presidente e vice.

Agora Dilma e Temer serão intimados a apresentar defesa, e com isso, haverá a fase de produção de provas.

E antes que falem que já estão condenando, o que não estão, é como o próprio ministro Gilmar Mendes disse: “É preciso primeiro investigar para depois condenar.”

E se tudo seguir seu rumo, e se nada impedir o curso da história, talvez as pessoas vejam que agora é preciso puxar o freio em algum momento. Elas estão todas sem freio. Estão vivendo no aqui tudo pode, tudo é festa, tudo é legal.

E que quando tudo acabar, para o bem ou para o mal, que fique a lição de que as pessoas agora estão vendo e detestando o que veem.

Salve as baleias. Não jogue lixo no chão. Não fume em ambientes fechados.

Deixe um comentário

Um comentário para “Dilma e a dança das cadeiras!”

  1. ⇒ João Cirino Gomes disse:

    Tudo nos leva a crer, que as inversões de valores no Brasil são intencionais, digo propositais!
    Em suas propagandas, todos os políticos são bonzinhos, santinho, todos têm a solução para os problemas sociais e nenhum é ladrão!
    E a mídia paga e sensacionalista, esta criando heróis até com o estrume do cavalo do bandido!
    Eu até acreditaria, que os políticos brasileiros fossem representantes do povo, ou oposição, se de comum acordo, não colocassem em xeque, a ética, suas índoles e honestidade; o verbo e a Palavra “SE”
    Eu até acreditaria em impeachment, se a casa não estivesse repleta de ratos, e se Color não tivesse voltado para continuar nos roubando!
    Se os políticos não tivessem de comum acordo entre eles, criado lei proibindo os menores de trabalhar.
    Se não tivessem incentivado e até participando de passeatas para liberação de drogas.
    Se não tivessem desviado as verbas da educação e da moradia.
    Se não estivessem roubando os trabalhadores e os aposentados.
    Se ao invés de perdoar dividas, de fazer doações e usar nossos impostos para construir em países comunistas, estivessem investindo em infra-estruturas no Brasil, para combater o desemprego.
    Se não tivessem retirado a matéria OSPB que ensinava o jovem votar do currículo escolar.
    Se o eleitor não fosse obrigado votar, sem saber como funcionam as alianças entre os partidos, e que os partidos aliados, dividem cargos e votos entre eles!
    Se ao invés de usar nossos impostos para bancar passeatas gays, e distribuir kit gay nas escolas, usasse nossos impostos em uma educação de qualidade, para formar os jovens, que são o futuro da Nação.
    Diante destes fatos; tudo nos leva a crer, que o interesse destes políticos é usar os impostos do povo, para jogar os menos favorecidos as margens, formando vagabundos, gays, prostitutas, viciados, traficantes…
    “E já diminuíram a idade penal; e falam em privatizar os presídios; a intenção é clara, querem se apossar dos prédios públicos a preço de casca de banana”, para lucrar mais ainda com superfaturamentos nas estadias destes marginalizados, que eles mesmos estão formando de caso pensado!
    Mas, se o povo acordar, e acabarmos com esta maldita lei de imunidade, que facilita para os políticos roubar, desviar, se acobertar, e se manterem impunes, podem ter certeza, o índice da miséria, criminalidade e violência cai naturalmente 99%!
    Se não lutarmos por intervenção, por justiça social, e por justa distribuição de rendas, não chegaremos a nada; antes sim, estaremos sendo manipulados; ou coniventes com estes embusteiros, que estão nos escravizando e saqueando o país!

    Estes são fatos, que tentam distorcer e esconder, mas contra a realidade não existem argumentos!
    Vejam se nos “EUA” Estados Unidos, existe lei de imunidade para acobertar políticos corruptos!

    Existe nada; Nos EUA a população é culta e exigem que seus direitos sejam respeitados!
    Assista ao vídeo e comprove>